DEBEM.com.br

Notícias online para você

Indústria investe em plano de fidelidade para o varejo da construção civil

Juntos Somos Mais, criado pela Votorantim Cimentos, se torna independente com Gerdau e Tigre como sócios e 14 empresas parceiras. Programa investirá R$ 50 milhões em marketing e tecnologia até 2020

O mercado de construção civil movimenta cerca de R$ 300 milhões por ano no Brasil, o que representa aproximadamente 4,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do País. São mais de 140 mil lojas especializadas, a grande maioria formada por pequenas e médias empresas, e seis milhões de profissionais da obra sem muito acesso a capacitação. Com o objetivo de desenvolver e modernizar o segmento, o Juntos Somos Mais, programa de relacionamento criado pela Votorantim Cimentos em 2014, passa a atuar de forma independente, tendo Gerdau e Tigre como sócios (cada uma das duas tem 27,5% de participação e os 45% restantes são da Votorantim).

O programa começa sua nova fase com a herança de 40 mil lojas e 60 mil profissionais cadastrados do período em que o Juntos Somos Mais era apenas da Votorantim Cimentos. Durante estes quatro primeiros anos, o projeto emitiu um bilhão de pontos e contabilizou 300 mil resgates. “Nos próximos seis meses queremos chegar a 20 empresas parceiras, e, nos próximos quatro anos, atingir 100 mil lojas e dois milhões de profissionais cadastrados”, afirma Antônio Serrano, ex-funcionário da Votorantim Cimentos que assume como CEO do Juntos Somos Mais. O executivo projeta um faturamento de R$ 50 milhões em 2019.

Para estimular o crescimento do programa, o Juntos Somos Mais já conta com o apoio de 14 parceiros – Santander (que oferecerá soluções e tecnologias de pagamento, como a maquinha Getnet, e a linha de financiamento Mais Vezes), Linx (de sistemas de gestão) e outras empresas do setor de construção: Vedacit, Eternit, Suvinil, Stam, Bosch, Casa do Construtor, Ciser, Ourolux e Cozimax – e investirá R$ 50 milhões em tecnologia e marketing até 2020. A empresa já recebeu investimentos da ordem de R$ 30 milhões.

Pela mecânica do programa, as lojas e profissionais da obra acumulam pontos com a compra de produtos das empresas participantes que são transformados em prêmios, como equipamentos para as lojas (como empilhadeiras ou computadores), sistemas de gestão, cursos profissionalizantes, ferramentas e ações de responsabilidade social dentro das comunidades locais. A inscrição, o acompanhamento e o resgate dos pontos podem ser feitos pelo website, aplicativo ou via WhatsApp.

“Todos os prêmios têm o objetivo de desenvolver e capacitar o ecossistema da construção civil. Acreditamos que podemos impactar diretamente os seis milhões de profissionais que atuam na área, podendo beneficiar mais de 20 milhões de pessoas direta e indiretamente”, projeta Serrano, que comanda um time de 25 profissionais na Juntos Somos Mais, instalados num coworking na cidade de São Paulo.

Além da comunicação nos canais da plataforma, a estratégia de marketing inclui materiais de divulgação sobre o funcionamento do programa para os pontos de venda, uma revista trimestral e conteúdo digital. As lojas participantes também têm um selo de identificação. “Estamos buscando entender qual é o perfil do varejista, do funcionário e dos profissionais para identificar os melhores canais. Estamos avaliando outros meios de comunicação, como TV e rádio”, explica Serrano. O Juntos Somos Mais é atendido pelas agências Visia e Omnion.

Todas as notícias

DEBEM.TV

Um projeto imobiliário

WEBMAIL  |   criação: sitesrapidos.com.br

   
.