DEBEM.com.br

Notícias online para você

"O que vale é a postura que a marca tem perante a sociedade", diz Mario D'Andrea

Presidente da Associação Brasileira de Agências de Publicidade avalia desempenho do Brasil no Cannes Lions

Para o presidente da Associação Brasileira de Agências de Publicidade (Abap), Mario D'Andrea, as campanhas brasileiras premiadas até o momento no Cannes Lions reforçam a importância das marcas se posicionarem. Dois exemplos de cases que conquistaram Leões de Ouro, onde as empresas ousaram abordar temas polêmicos, são 'Essa Coca é Fanta', criado pela David para a Coca-Coca, e 'Ric Brasil', da Ogilvy para a Forbes.

"Hoje, não vale só o que você diz como marca, mas como você age, como você se comporta. E acho que isso está sendo cada vez mais provado, independentemente de tecnologia ou não, o que vale é a postura que a marca tem perante a sua sociedade e sua existência", avaliou D'Andrea, que também é presidente da Dentsu Creative Group, em entrevista ao Coletiva.net.

Sobre a temática da corrupção abordada por algumas das peças premiadas, D'Andrea disse que, após quatro anos de Operação Lava-Jato, isso já era esperado, assim como alguns dos principais trabalhos dos Estados Unidos, premiados neste ano, focam na administração do presidente Donald Trump. Segundo ele, a propaganda não cria tendências: ela as segue.

"Ela é um espelho da sociedade, da comunidade em que está inserida. Por isso, nada mais óbvio e claro do que o Brasil ir tão fundo no tema da corrupção após esses quatro anos de Lava-Jato, que deixou uma ferida exposta. Nada melhor do que a publicidade tratar deste assunto e nada melhor do que algumas marcas terem coragem de assumir esse discurso", afirmou.  

Todas as notícias

DEBEM.TV

Um projeto imobiliário

WEBMAIL  |   criação: sitesrapidos.com.br

   
.