DEBEM.com.br

Notícias online para você

Officer comemora 28 anos com lançamento de escritório em Minas Gerais

 

crédi DivulgaçãoFabio Gaia, da Officer: análise para crédito tributário

Fabio Gaia, da Officer: análise para crédito tributário

Com 28 anos de vida completos no último sábado (27/04), a Officer Distribuidora anunciou à CRN Brasil a abertura de um escritório em Minas Gerais. A unidade, que será focada em software, com ênfase em Microsoft, faz parte de um plano que Fabio Gaia, diretor presidente da companhia, classifica como “racional em vez de nacional”.

Assine a newsletter da CRN.com.br

Siga a CRN.com.br no Twitter

Curta a Fan Page da CRN.com.br

A distribuidora figura entre as maiores do País, com mais de 400 colaboradores e cerca de 12 mil revendas em sua base de parceiros. Em uma era onde os olhos dos empresários de TI saltam para as regiões Norte e Nordeste, que concentram os maiores crescimentos tanto da economia, quanto deste segmento em particular, a marca aprofundou-se em uma área, teoricamente, já atendida pelas operações da região sudeste. Mas não é exatamente esta a situação.

A presença local certamente fortalece os laços regionais. Contudo, deve ser feita com moderação. “Quando existe uma ampliação da área de cobertura sem planejamento,  o resultado pode ser inverso”, explicou o executivo. O motivo é o controverso sistema tributário brasileiro, que conforme a localização da sede e de suas filiais, além do produto comercializado, compromete a utilização de créditos tributários das empresas. “Hardware não compensa neste caso”, comentou.

Por isso a escolha por soluções Microsoft. “Software não possui um impacto muito grande quanto hardware”, explicou Gaia.

E é exatamente essa inteligência que faz a diferença no mercado de distribuição brasileiro.  “Esta é uma indústria de pequenos percentuais, mas sobre grandes volumes. Este ano, nossa expectativa é conseguir ganhar, em média, 1 ponto porcentual a mais na margem”, detalhou.

Em um cenário onde os ganhos giram em torno de 1,5% a 2% do volume movimentado, esse aumento é muito bem-vindo. Apenas para citar com exemplo, em 2012 a companhia movimentou  1,824 bilhão de reais, o que representa crescimento de quase 30% quando comparado ao ano anterior. Elevar a receita, por exemplo, de 2% para 3%, representa 182 milhões a mais em caixa.

Novo CD?

A empresa também planeja abrir um terceiro centro de distribuição no Brasil, para fortalecer a rede logística hoje atendida pelas cidades de São Paulo e Curitiba. “O planejado é inaugurar em oito meses, mas eu mesmo já anunciei em outras oportunidades na CRN Brasil que inauguraríamos outro CD…”, disse, rindo, ao completar: “se com o sistema tributário até o que passou pode mudar por conta de alterações nas leis, fica ainda mais difícil dizer como vai ser o futuro. Se houver uma mudança muito grande, isso vai refletir na decisão”, adicionou.

Financiamento

A companhia também anunciou recentemente, durante seu evento iPlanet, realizado recentemente, a criação de um braço financeiro para ajudar o canal a financiar a venda de suas soluções ao cliente. O projeto é feito em parceria com Banco IBM, Santander, HSBC e Grenke.  Com inadimplência histórica média de 0,5% a 0,6% – esta última proporção em períodos de crise econômica – Gaia justificou que a decisão veio muito mais de uma postura de oportunidade do que de necessidade de reduzir o calote.

“Isso faz parte de uma mudança na infraestrutura de sistema, o que permite que eu me ligue com todos os parceiros”, ponderou, vislumbrando, com a medida, novas oportunidades. “O próprio ambiente de mercado nos favorece. Quando o parceiro traz essa oferta, é algo adicional que se coloca na mesa e olhado pelo cliente como diferencial”, ponderou.

Saiba mais:

Officer cria área de financiamento para ajudar canal nas vendas

Todas as notícias

DEBEM.TV

Um projeto imobiliário

WEBMAIL  |   criação: sitesrapidos.com.br

   
.